Pandemia 13/01/2022 19:01

Governo do RN reúne chefes de poderes, Femurn e setor produtivo para discutir recomendações do Comitê Científico

Na reunião conduzida pelo secretário-chefe da Casa Civil, Raimundo Alves Junior, o Governo do Estado manteve o entendimento adotado desde o início da pandemia, em março de 2020, quanto à necessidade de manutenção do diálogo com representantes dos demais poderes, gestores municipais, e do setor produtivo na análise e definições a partir das recomendações do Comitê Científico.

O Governo do Estado reuniu, na manhã desta quinta-feira (13), secretários de diferentes áreas de gestão e técnicos da Sesap para discutir e avaliar as recomendações expedidas na última segunda-feira pelo do Comitê de Especialistas quanto ao atual cenário da pandemia do novo coronavírus e a crescente demanda de casos em decorrência da gripe.

Na reunião conduzida pelo secretário-chefe da Casa Civil, Raimundo Alves Junior, o Governo do Estado manteve o entendimento adotado desde o início da pandemia, em março de 2020, quanto à necessidade de manutenção do diálogo com representantes dos demais poderes, gestores municipais, e do setor produtivo na análise e definições a partir das recomendações do Comitê Científico.

Na próxima segunda-feira, 17, representantes do Governo do RN se reúnem com a Federação dos Municípios do RN (Femurn), e em outras duas frentes de discussões, a governadora Fátima Bezerra deve reunir-se com representantes dos demais poderes, enquanto os secretários Carlos Eduardo Xavier (Tributação) e Raimundo Alves Junior mantêm diálogo através do GT-Econômico com as instituições representativas do setor produtivo do Rio Grande do Norte.

Na reunião desta segunda-feira, também ficou definido que a secretaria de Administração e a secretaria de Saúde publicam uma portaria conjunta nesta sexta-feira, 14, que disciplina o acesso da população aos prédios públicos do Poder Executivo. O Governo do Estado reforça a necessidade de manutenção dos cuidados, cumprimento e fiscalização em observação aos decretos e portarias vigentes.

Fonte: Assessoria

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista