Personalidades 07/09/2021 09:00

Jairzinho, o Furacão da Copa de 70, recebe alta após ser internado com Covid-19

Atacante e ídolo do Brasil e do Botafogo ficou 10 dias internado após contrair uma pneumonia viral causada pela Covid-19

Jair Ventura Filho, o Jairzinho, “Furacão” da Copa do Mundo de 70 e ídolo do Botafogo, recebeu alta do hospital onde estava internado desde o final de agosto, em decorrência de complicações da Covid-19.

Segundo o hospital Copa D´or, onde ele estava hospitalizado, “houve boa evolução do quadro” e Jairzinho irá continuar o tratamento em casa.

“O paciente Jair Ventura Filho recebeu alta na tarde desta segunda-feira (06) do Hospital Copa D’Or. Ele ficou internado para se recuperar de uma pneumonia viral causada pelo Covid”, informou a rede por nota.

Mais cedo, o Botafogo publicou em suas redes sociais uma mensagem para informar aos fãs sobre a alta do ídolo.

“O Furacão vai receber alta!🌪 Jairzinho venceu a COVID-19 e vai receber alta hoje. Desejamos uma ótima recuperação ao nosso ídolo!”, publicou o Botafogo na tarde de hoje.

Também em sua rede social, o filho de Jairzinho, o técnico Jair Ventura, gravou um vídeo agradecendo a todos que torceram pela recuperação do pai.

“Meu pai chegou em casa agora e graças a Deus ele venceu essa doença terrível. Agora é continuar o tratamento em casa, mas que bom que ele já está de volta”, disse Jair, que também agradeceu ao médico Arthur Viana e “todos os enfermeiros e enfermeiras que atenderam” Jairzinho.

Campeão mundial em 1970 pelo Brasil e ídolo da torcida do Botafogo, Jairzinho, o Furacão, foi internado no dia 28 de agosto com Covid-19. Foi seu filho Jair Ventura, na ocasião, quem publicou a informação em suas redes sociais. Jairzinho tem 76 anos e, segundo o filho, já havia sido vacinado.

O atacante se destacou na Copa de 70, naquele que é considerado por muitos a melhor seleção brasileira de todos os tempos. Ele foi o único a marcar gol em todas as partidas da competição e, por isso, ganhou o apelido de Furacão da Copa. Foram 7 gols em 6 jogos. No total vestindo a camisa amarelinha, fez 107 partidas e marcou 44 gols.

Já no Botafogo, quando começou a jogar no profissional em 1965, Jairzinho teve a missão de substituir outro gênio da bola: Garrincha. Aquele que viria a se tornar um dos maiores ícones do futebol brasileiro não decepcionou e desandou a marcar gols.

Segundo consta o alvinegro, em 412 partidas pelo Botafogo, o Furacão marcou 189 gols, conquistando o bi do Campeonato Carioca e Taça Guanabara (1967/68) e dois Torneios Rio-São Paulo (1964 e 1966), além do Campeonato Brasileiro, de 68, contabilizado pelo Botafogo.

Além do Botafogo, Jairzinho também jogou no Olympique de Marselha, da França; Cruzeiro, Portuguesa de Acarígua, da Venezuela; Noroeste de Bauru; Fast de Manaus; Jorge Wilsterman, da Bolívia; e Nove de Outubro, do Equador.

Deu em CNN
Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista