Bancos 04/05/2021 04:37

Copom deve elevar de novo taxa de juros em reunião que inicia nesta 3

Especialistas do mercado financeiro esperam alta de 0,75 ponto percentual na Selic, seguindo movimento iniciado em março

A Selic (taxa básica de juros) deve manter a trajetória de alta, iniciada em março, na reunião do Copom (Comitê de Política Monetária) do BC (Banco Central) que começa nesta terça-feira (4) e termina amanhã.

Em março, a Selic passou de 2% para 2,75% ao ano, interrompendo uma série de quedas registrada desde julho de 2015, com uma sequência de reduções consecutivas desde julho de 2019, chegando ao menor patamar da história.

Analistas dão como certa alta de 0,75 ponto percentual na taxa básica de juros no anúncio de quarta-feira.

Miguel José Ribeiro de Oliveira, diretor executivo da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade), é um dos especialistas que acredita no aumento de 0,75 ponto percentual na Selic, passando de 2,75% para 3,50% ao ano.

Oliveira já havia sinalizado que o Copom iniciaria uma trajetória de alta a partir de março.

Para ele, devem influenciar na decisão do comitê:

• Crescimento da inadimplência por causa do fim das carências nos empréstimos (pausas e carência nas negociações de dívidas) e redução do valor do auxílio emergencial;
• Aumento do desemprego; e
• Elevação dos juros futuros;

Apesar de a expectativa de aumento, levantamento feito pela Anefac aponta que a alteração terá um efeito muito pequeno nas operações de crédito.

Deu em R7

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista