Educação 20/05/2022 08:09

Unicef vê com preocupação adoção de ensino domiciliar no Brasil

Por Ricardo Rosado de Holanda

Em entrevista à CNN, Mônica Dias Pinto, chefe de Educação da Unicef no Brasil, pontuou que é preciso trabalho conjunto entre escola, comunidade e famílias

Em entrevista à CNN nesta quinta-feira (19), Mônica Dias Pinto, chefe de Educação do Unicef no Brasil, afirmou que o órgão da ONU “vê com preocupação” o projeto de lei (PL) que foi aprovado na Câmara dos Deputados sobre autorização para “homeschooling”, o ensino domiciliar.

O projeto agora segue para o Senado.

“A Constituição diz que educação é um direito de todos e um dever de família e Estado”, afirmou Mônica, complementando que “a escola é o local que, em parceria com a comunidade, tem a atribuição de educar as crianças para a vida em sociedade, preparação para o mundo do trabalho”.

Em outro momento da entrevista, a chefe de Educação do Unicef no Brasil, destacou também que a preocupação se deve porque “é a instituição escola que tem essa competência técnica, em diálogo com as famílias, para o desenvolvimento pleno, cognitivo, emocional das crianças e adolescente”.

Ricardo Rosado de Holanda



-

Descrição Jornalista