Brasil 21/12/2021 09:57

Quase 90% dos brasileiros acham que 2021 foi um ano ruim para o país, diz Ipsos

No entanto, a maioria dos entrevistados ouvidos pelo instituto de pesquisa demonstra otimismo com relação a 2022

Para a maioria dos brasileiros, 2021 é um ano que não vai deixar saudade. A constatação é da pesquisa “Global Advisor Predictions 2022”, feita pelo Instituto Ipsos no Brasil e em outros 32 países.

Por aqui, 87% dos entrevistados concordam que o ano que se encerra nos próximos dias não foi bom. Um índice superior à média mundial, de 77%.

Os entrevistados responderam à pergunta: “Você concorda ou discorda que 2021 foi um ano ruim para o país?”. A média brasileira foi a quinta maior encontrada na pesquisa, atrás de Coreia do SulEspanha e Romênia (89%), além de Argentina (88%).

Na outra ponta da lista, os países nos quais 2021 apresentou a menor rejeição foram: China (41%), Arábia Saudita (48%) e Dinamarca (58%). A pesquisa também procurou saber percepções específicas. No Brasil, 70% dos entrevistados consideraram que 2021 foi um ano ruim para si e para suas famílias. Um indicador 14 pontos percentuais acima da média global (56%).

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista