Prefeituras 12/10/2021 13:57

Prefeito de Mossoró grava vídeo durante cirurgia ginecológica; assista

O Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Norte vai apurar as circunstâncias de um vídeo divulgado pelo prefeito de Mossoró que viralizou nas redes sociais e provocou polêmica.

O caso ocorreu em uma maternidade filantrópica de Mossoró. O Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Norte informou que vai apurar.

O Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Norte vai apurar as circunstâncias de um vídeo divulgado pelo prefeito de Mossoró que viralizou nas redes sociais e provocou polêmica.

Na última sexta-feira (8), Alysson Bezerra, do Solidariedade, fez a gravação dentro de uma sala onde uma paciente passava por cirurgia ginecológica. A ideia era celebrar a retomada de cirurgias em meio à pandemia.

Enquanto os médicos realizavam a cirurgia logo atrás, o prefeito discursava:

“Nós acabamos de tomar conhecimento do caso de uma paciente que estava aguardando para realizar um procedimento cirúrgico ginecológico há quatro anos e hoje está pondo fim a essa espera. A Prefeitura de Mossoró cumpre seu compromisso com a população garantindo acesso à saúde.”

O caso ocorreu na maternidade Almeida Castro, uma entidade filantrópica.

A vice-coordenadora do Conselho Regional de Serviço Social (Cress) em Mossoró, Karina Gadelha, comentou com o G1:

“O retorno das cirurgias não justifica a entrada em meio a uma cirurgia da mulher, numa situação de constrangimento. Há evidência de violação de direitos. Precisamos descobrir quem deu esse ‘direito’ e acionar o Ministério Público. Uma questão midiática não pode se sobrepor à intimidade, com a violação sobre o corpo da mulher ou do homem.”

Assista:

Deu em O Antagonista

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista