Natureza 17/09/2021 09:20

Tsunami no Brasil? Especialista comenta probabilidade de vulcão causar o fenômeno

Notícia de que o vulcão Cumbre Vieja pode sofrer erupção a qualquer momento pode causar tsunami no país assustou brasileiros

Um alerta feito pela Associação de Vulcões de Canárias, da Espanha, tem assustado brasileiros. O grupo emitiu sinal amarelo para o vulcão Cumbre Vieja, localizado na Ilha de La Palma, que sofreu com mais de 4.222 tremores nos últimos dias na região em que está localizado, no Parque Nacional Cumbre Vieja, e pode sofrer erupção.

O problema é que um estudo divulgado pelo portal MetSul Meteorologia afirma que caso a erupção ocorra, as regiões Norte e Nordeste do Brasil serão atingidas por tsunamis.

De acordo com o estudo, publicado pela Universidade Federal do Paraná, a “erupção poderá desestabilizar a encosta da ilha” e “facilitará a ocorrência do movimento de massa” no oceano, o que causaria as tsunamis.

No entanto, o oceanógrafo e professor da Universidade Federal da Bahia, Guilherme Lessa, explicou que a previsão de tsunamis tem chances mínimas de ocorrer.

“O drama é um vício da humanidade. Ainda é pequena a probabilidade de o evento ocorrer. É um alarde muito grande. Este cenário cataclísmico foi publicado há muito tempo e é algo extremamente hipotético, nenhum dos valores seria crível de aposta. Está sendo gerado um pânico sem necessidade”, reprovou Guilherme em entrevista ao jornal baiano Metro1.

O especialista afirma também que o estudo considera o deslizamento de 500 quilômetros cúbicos de massa no oceano, o que é bem raro de ocorrer. Fora isso, o nível da maré e a forma de propagação de onda também são impossíveis de medir, o que torna a hipótese do estudo mais difícil de ser realizada. “É muito difícil dizer qual seria a realidade caso o deslizamento ocorra, porque tem muitas variáveis em jogo”, frisa.

O autor do estudo que viralizou na imprensa e nas redes. O geólogo Mauro Gustavo Reese Filho, concorda que estudos mais recentes afirmam que as possibilidades de ocorrer tsunamis “são remotas e longínquas”, mas que é preciso cuidado. “O estabelecimento de sistemas de alarme possibilitam a evacuação de áreas é justificável quando se trata de vidas humanas”, disse o geólogo ao Uol.

E se a tsunami ocorrer?

Caso a combinação de condições improváveis iniciadas pela erupção seja a necessária para criar uma tsunami, é possível, sim, que ela chegue ao Brasil. Mas, o oceanógrafo afirma que, caso isso ocorra, haverá tempo suficiente para saber como ela chegará e os governos dos estados poderão se programar para manter os moradores dos locais atingidos em segurança.

“O tempo que levaria para chegar à costa seria de até oito horas em Salvador. Isso é tempo suficiente para saber a forma da onda e emitir um alerta”, conclui Guilherme.

Deu no Correio Braziliense

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista