Política 07/05/2021 16:47

Bolsonaro defende cloroquina e diz à CPI: “Não encha o saco”

Presidente mandou recado à comissão e classificou senadores de 'inquisidores'. Queiroga foi questionado sobre o tema no colegiado

Em publicação no Facebook na manhã desta sexta-feira (7) o chefe do Executivo volta a defender o chamado “tratamento precoce”, que inclui medicamentos como cloroquina e ivermectina e que foi um dos pontos mais questionados pelos senadores na primeira semana da comissão, ao colher os depoimentos de ex-ministros da Saúde e do atual titular da pasta, Marcelo Queiroga.

Uns médicos receitam Cloroquina, outros a Ivermectina e o terceiro grupo (o do Mandetta), manda o infectado ir para casa e só procurar um hospital quando sentir falta de ar (para ser entubado)”, escreveu Bolsonaro no que ele chamou de “resposta aos inquisidores da CPI sobre o tratamento precoce”.

Uns médicos receitam Cloroquina, outros a Ivermectina e o terceiro grupo (o do Mandetta), manda o infectado ir para casa e só procurar um hospital quando sentir falta de ar (para ser entubado)”, escreveu Bolsonaro no que ele chamou de “resposta aos inquisidores da CPI sobre o tratamento precoce”.

Deu em R7

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista