Governo Federal 03/11/2020 10:43

Fabio Faria toca Comunicações, ajuda na articulação e acumula reconhecimento

Em um governo cujas decisões são sempre criticadas, as avaliações são favoráveis ao ministro das Comunicações

No governo “Geni” de Bolsonaro, criticado por seus desacertos e crises desnecessárias, a exceção é o Ministério das Comunicações chefiado por Fábio Faria desde 17 de junho.

Sua atuação agrada ao presidente e Congresso, por se empenhar no entendimento entre os dois poderes, e arranca elogios até do setor privado.

“Finalmente o País tem um ministro das Comunicações”, diz Flávio Lara Resende, presidente da prestigiosa Abert (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão). A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O ministro domina os aspectos mais técnicos da área, explica Flávio Lara Resende, o que torna mais produtivo o diálogo com as emissoras.

Além da radiodifusão e das telecomunicações, a comunicação institucional também foi confiada por Bolsonaro a Fábio Farias.

Sem ajudar na melhoria da imagem do governo, a antiga Secretaria de Comunicação Social (Secom) perdeu relevância e foi extinta.

No governo em que cada decisão gera protestos, ninguém reclamou da decisão de Bolsonaro de extinguir a Secom.

Deu em Diário do Poder

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista