Internet 14/08/2020 13:44

O Google ter tirado do ar 600 mil páginas e anúncios no Brasil mexe o ponteiro da internet segura no País

Quando o Google se mexe, toda a internet mundial se mexe com ele.

Por Pyr Marcondes

No Brasil, ele acaba de fazer um grande, representativo e impactante movimento de Google: tirou do ar anúncios de 600 mil páginas e de 16.000 domínios brasileiros entre os meses de abril a junho.

Além disso, revela levantamento da própria companhia no Brasil raramente divulgado, 2 a cada 3 sites do Brasil que tentam se cadastrar no AdSense, ferramenta do Google para veiculação de publicidade, estão sendo agora rejeitados.

Isso se deve a modificação da política de compliance da companhia, relativamente a sites e propaganda online de sexo, conteúdos considerados tóxicos e nocivos a sociedade, conteúdos fake ligados a movimentos políticos e outros, enfim, um sem número de atividades e informações podres, que nós mesmos, a sociedade contemporânea, resolveu produzir como lixo de si mesma, e despejar em nossas caras na web.

Como o Google é o Google, ele foi, para o bem e para o mal, o canvas em que tudo isso aconteceu prioritariamente. Foi ele que acabou por disseminar esses conteúdos indesejáveis e passou a ser questionado por isso, até porque se beneficiava publicitariamente com esses sites e anúncios, de alguma forma.

Demorou um pouco para reagir a isso, mas reagiu. E quando o Google se move, já disse, a internet mundial inteira se move também.

Não seria diferente no Brasil. A companhia, nos últimos meses, vem retirando do ar milhares e milhares de páginas e anúncios considerados fora dos seus próprios novos critérios em busca de uma internet mais cofiável, mais socialmente habitável e mais segura para o convívio de todos nós.

Ter tornado isso público é também admirável, já que muitas vezes a corporação, por sua condição de listada em bolsa, precisa adotar políticas públicas de divulgação meio travadas.

Desta vez destravou legal. E destravou bem. E destravou em pról de si mesmo e de todos nós.

Bold move. Eu achei ótimo e achei também que podemos estar vivendo um movimento de fato importante em busca de uma internet na qual nos reconheçamos mais e melhor.

Torço por isso.

Deu em ProXXIma

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista