Violência 24/11/2017 04:31

Violência doméstica no Nordeste passa por gerações

Outra constatação da pesquisa foi a transmissão da violência doméstica entre as gerações. Os números mostram que, nos nove estados nordestinos, 88% das mulheres souberam que suas mães foram agredidas.

Outra constatação da pesquisa foi a transmissão da violência doméstica entre as gerações.
Os números mostram que, nos nove estados nordestinos, 88% das mulheres souberam que suas mães foram agredidas.
E quatro em cada 10 também se tornaram vítimas dessa mesma violência.
“É a da perpetuação da violência” – disse o professor Carvalho. “Homens e mulheres criados em lares violentos reproduzem esse modelo quando adultos. E as mulheres também são vítimas [quatro em cada 10] de homens que também viram as mães agredidas”.
Outro dado alarmante, segundo o coordenador da pesquisa, é o da exposição das crianças à violência doméstica: 55% das mulheres agredidas disseram que as agressões se deram na frente dos filhos.
Para o professor, na idade adulta, esses filhos vão reproduzir o que viram: os meninos vão acreditar que a violência é uma solução e as meninas vão aceitar a violência como uma realidade que não podem evitar.
Deu na Agência Brasil

Ricardo Rosado de Holanda



-

Descrição Jornalista