Sem categoria 18/02/2014 05:18

"Acreditei na Copa, como acredito no povo potiguar", diz a Governadora

Por fatorrrh_6w8z3t

A Copa do Mundo mereceu destaque na mensagem anual do Executivo.
Diz Rosalba Ciarliini:
…”Resgatar a autoestima do povo potiguar, que muito sofreu por abandono, por descaso e por desinteresse.
Ainda encontramos ecos desse período, que se traduziram na falta de credibilidade em muitos projetos que abraçamos, defendemos e realizamos.
Basta citar a Copa do Mundo de futebol em Natal como exemplo.
Poucos, inclusive nos meios de comunicação, acharam que seria possível; ou que, sendo possível, teríamos uma participação discreta, tímida, quase irrelevante, como que atraíssemos apenas jogos inexpressivos. A realidade se impôs de modo diferente e teremos grandes seleções, inclusive campeãs mundiais, em nossa Arena.
Acreditei na Copa, como acredito no povo potiguar, porque vi as oportunidades que esse evento traria para nosso Estado e, especialmente, para Natal. De fato, vislumbrei que a Copa era mais do que um estádio de futebol.
A Copa era um meio para atingir outros fins, para encurtar caminhos. Para que nosso Estado pudesse, abreviando os anos, acessar investimentos em infraestrutura urbana e de mobilidade, de saneamento, de turismo e de segurança…”

Ricardo Rosado de Holanda



-

Descrição Jornalista