Sem categoria 12/06/2013 07:09

O andar de cima

Por fatorrrh_6w8z3t

A crise de convivência da presidente Dilma Rousseff com a base aliada chegou ao mundo econômico. Quatro aliados de primeira hora nos últimos dias deram sinais de descontentamento com os rumos do governo, todos reconhecidos porta-vozes do mundo empresarial.
O ex-ministro Delfim Netto saiu a campo para defender deficit nominal zero como a última arma para o governo recuperar a credibilidade. Sem isso, avalia, o “instinto animal” dos empresários continuará hibernando.
Pela primeira vez, o empresário Abílio Diniz veio a público criticar o excesso de ministérios, dizendo ser essa uma governança inadministrável. Endossou críticas de outro aliado de Dilma, o empresário Jorge Gerdau.
Até o banqueiro André Esteves, que não teria do que se queixar em matéria de benesses do governo, andou dando demonstrações de desconforto.
Deu em Luiz Carlos Azedo

Ricardo Rosado de Holanda

Descrição Jornalista