Governo do Estado 06/08/2022 06:17

Governo discute ampliação de intercâmbio internacional

Programa AFS Intercultura Brasil atende a estudantes na faixa etária de 15 a 19 anos

O Governo do Rio Grande do Norte discute com a American Field Service – AFS Intercultura Brasil a ampliação de intercâmbio global para jovens.

A AFS opera há 50 anos no RN na troca de conhecimento e experiências no campo da sustentabilidade e na área de STEM – sigla em inglês que designa o campo do conhecimento composto por ciências, tecnologia, engenharia e matemática.

O Rio Grande do Norte, por ter grandes investimentos na área de energias renováveis, concentra 50% da atuação da AFS no Brasil.

Em reunião com secretários de Estado e com participação virtual da governadora Fátima Bezerra, no início da tarde desta sexta-feira, 05, o presidente do AFS Intercultural Brasil, Pedro Henrique Torres disse que “somos uma instituição com origem nos Estados Unidos da América em 1914. Somos vinculados à Universidade da Pensilvânia e no Brasil operamos como OSC – organização da sociedade civil. Hoje operamos em 116 países e queremos estreitar laços com o Estado do RN”.

O objetivo da AFS é organizar intercâmbios para formar jovens como agentes de mudança e cidadãos globais, através de vivências em outros países.

No RN os intercambistas têm oportunidade de adquirir conhecimento e experiências em instituições como o IFRN, universidades (Uern, UFRN), Instituto do Cérebro, Lais e Instituto de Física da UFRN.

Estudantes norte-rio-grandenses também têm oportunidade de vivências em outros países. Em julho, dois alunos do IFRN Campus Natal Central e do Campus Apodi, e uma aluna do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Professora Lourdinha Guerra, em Parnamirim, foram selecionados para intercâmbio no exterior.

Desde julho, o RN recebeu 31 estudantes vindos de países como Azerbaijão, Bélgica, Egito, Alemanha, Índia, Indonésia, México, África do Sul, Trinidad e Tobago, Reino Unido e Estados Unidos.

O programa AFS Intercultura Brasil tem comitês em Natal, Currais Novos, Pau dos Ferros, Assú e Mossoró. Recentemente renovou convênio com BP Energy para realizar suas atividades pelos próximos cinco anos.

O secretário de Estado da Educação e Cultura, Getúlio Marques disse que através de parcerias o programa da AFS tem potencial para realizar ações junto aos jovens e às comunidades.

Fonte e foto: Assessoria

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista