Aviação 24/05/2022 09:30

Jato de transporte mais rápido do mundo atinge velocidade supersônica em testes

Veículo chegou a cerca de 1.253 km/h nos ensaios

A corrida para retomar os voos supersônicos de passageiros quase duas décadas após a aposentadoria do Concorde teve um vislumbre de emoção nesta segunda-feira (23), quando a fabricante de aviões Bombardier revelou recodes de alta velocidade ao confirmar o lançamento de seu novo jato executivo.

A empresa canadense disse que o Global 8000 em desenvolvimento será “o jato executivo mais rápido e de maior alcance do mundo”.

Com capacidade para até 19 passageiros, alcance de 14.800 quilômetros e velocidade máxima de 0,94, Mach [velocidade do som]  — cerca de 1.160 km/h — o próximo avião deverá entrar em serviço em 2025, de acordo com um comunicado da Bombardier.

Avanço supersônico

Uma ilustração do interior da aeronave Global 8000, que está sendo desenvolvida pela fabricante de jatos executivos Bombardier. / Bombardier

A notícia vem depois que um veículo de teste Global 7500 quebrou a barreira do som durante um voo de demonstração em maio passado, atingindo velocidades superiores a Mach 1.015 (1.253 km/h).

A aeronave, acompanhada por um avião de perseguição F/A-18 da Nasa, também se tornou o primeiro avião da categoria “Transporte” a voar supersônico com combustível de aviação sustentável (SAF) como resultado do voo, diz a Bombardier.

“A aeronave Global 8000 aproveita os excelentes atributos da aeronave Global 7500, oferecendo aos nossos clientes uma aeronave emblemática de uma nova era”, disse Éric Martel, presidente e CEO da Bombardier, em comunicado divulgado nesta segunda-feira.

Os testes de voo para o Global 8000 já começaram nos veículos de teste de voo Global 7500. A Bombardier diz que a próxima aeronave também terá uma altitude de cabine equivalente a 883,92 metros.

Nova era

A próxima aeronave é descrita como “o jato executivo mais rápido e de maior alcance do mundo”. / Bombardier

O Global 8000 é apenas um dos muitos desenvolvimentos nos inúmeros esforços para aumentar a velocidade das aeronaves de passageiros mais de duas décadas após a aposentadoria do Concorde.

No ano passado, a United Airlines anunciou que poderia oferecer rotas supersônicas já em 2029, depois de fechar um acordo para comprar 15 jatos supersônicos.

Enquanto isso, a Boom Supersonic, com sede no Colorado, está concluindo os testes em solo do X-B1, a aeronave protótipo de seu jato Overture, projetado para acomodar entre 65 e 88 pessoas, que visa voar em mais de 500 rotas principalmente transoceânicas que se beneficiarão da aeronave Velocidades Mach-2.2.

Infelizmente, a startup de aviação Aerion, com sede na Flórida, entrou em colapso meses depois de revelar planos para um avião comercial Mach 4+ chamado Aerion AS3 no ano passado.

Deu em CNN

Ricardo Rosado de Holanda



-

Descrição Jornalista