Governo do Estado 11/05/2022 09:15

Exposição “Bordado de Caicó” acontece no CRARN da Cidade da Criança

Iniciativa é uma parceria entre Governo do Estado e Sebrae-RN, exposição passou pelo Rio de Janeiro e agora chega a Natal

A exposição “Bordado de Caicó – 12 pontos, tradição, beleza e arte” abriu para convidados nesta terça-feira (10).

A governadora Fátima Bezerra esteve presente à mostra, que se encontra no Centro de Referência do Artesanato do Rio Grande do Norte (CRARN), da Cidade da Criança, onde celebrou a parceria entre governo do estado e Sebrae-RN.

A mostra já passou pelo Rio de Janeiro com sucesso, e agora se encontra em Natal. Da capital, parte para a Casa do Artesão do Seridó, em Caicó-RN.

Produzido por artesãs de doze cidades do Seridó no Rio Grande do Norte – Caicó, Timbaúba dos Batistas, São Fernando, Serra Negra do Norte, Acari, São João do Sabugi, Jardim do Seridó, Ipueira, Cruzeta, São José do Seridó, Jucurutu e Ouro Branco – a tradição do bordado remonta ao século 19, vindo de Portugal ao interior do RN, mas que foi ganhando características próprias, identificado geograficamente também pela fauna e flora locais.

Quando senadora, a governadora Fátima Bezerra liderou o movimento para o fomento do artesanato no Brasil, criando a Frente Parlamentar Suprapartidária em defesa do artesão e da promoção do artesanato.

“Essa iniciativa foi fundamental para que fosse aprovada a regulamentação da profissão do artesão”, afirma a governadora, lembrando também o Programa Estadual de Apoio ao Artesanato (Proarte) como uma importante ferramenta para a promoção do artesanato aqui no estado.

Foi justamente através do Proarte, da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (SETHAS), que o governo do estado abriu em março deste ano o Centro de Referência do Artesanato do Rio Grande do Norte, espaço que se encontra na Cidade da Criança. A iniciativa do governo do RN tem parceria com o Sebrae-RN, que cuida das ações relacionadas à capacitação, inovação e acesso a mercados.

A prática do artesanato tem relevante importância cultural e econômica no estado. O Rio Grande do Norte tem hoje 9.680 artesãos cadastrados no Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (Sicab). A regulamentação da profissão institui políticas públicas para o setor e a carteira profissional para a categoria.

Falando especificamente do bordado do Seridó, este recebeu, em 2020, o Signo de Indicação de Procedência, entregue pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). O Signo foi solicitado há anos pelo Comitê Regional de Associações e Cooperativas Artesanais do Seridó (CRACAS).

O Signo, que é um selo de qualidade, determina especificações para que o bordado possa ser considerado um bordado do Seridó.

Entre elas está ser produzido em uma das doze cidades do Seridó e possuir doze pontos de bordado determinados: ponto cheio, Richelieu, matiz, costurado, rococó à máquina, aberto ou bainha, turco, rústico, quebra-agulha/espinho, crivo, granito, e o rococó (feito à mão).

A exposição “Bordado de Caicó – 12 pontos, tradição, beleza e arte” está aberta ao público do dia 11 de maio até o dia 11 de junho de 2022, no Centro de Referência do Artesanato (CRARN), dentro da Cidade da Criança, na Avenida Rodrigues Alves, Tirol. A entrada para a Cidade da Criança custa R$ 2 reais ao público geral.

Fonte e foto: Assessoria

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista