Pandemia 23/01/2022 09:43

Biden desobriga hospitais dos EUA de registrar mortes diárias por covid

Normas foram alteradas sem alarde na imprensa no dia 6, aniversário da invasão do Capitólio

O governo dos Estados Unidos alterou as normas para os registros hospitalares requeridos pelo Departamento de Saúde e Serviços Humanos (HHS, em inglês), o Ministério da Saúde de lá, durante a pandemia da Covid.

O documento de 6 de janeiro de 2022, aniversário da invasão do Congresso, promove dezenas de mudanças em relação ao documento original, de maio de 2020.

Uma das mudanças realizada pela administração Joe Biden é a desobrigação do registro diário de mortes por covid identificadas nos hospitais, mas também chama atenção as novas obrigações sobre a inclusão de dados pediátricos.

Desde o início da pandemia, hospitais dos EUA são obrigados a manter diversos dados atulizados no sistema do HHS. As normas criadas em 27 maio de 2020 exigem, por exemplo, que hospitais atualizem diariamente o estoque de remédios e insumos médicos, como máscaras e luvas.

Cada item tem um campo específico no formulário que hospitais preenchem diariamente para abastecer o sistema federal.

Lista das alterações promovidas pelo governo americano nos registros hospitalares. ‘Mortes por Covid-19 da Véspera’ em destaque.

Fonte e Foto: Diário do Poder

Ricardo Rosado de Holanda



Descrição Jornalista